Central de Atendimento: (11) 99282-7768 | atendimento@smartgrow.com.br

Smart Grow responde cinco perguntas sobre nutrição mineral

Da dosagem ao controle de pH das regas, aprenda como nutrir as plantas de cannabis evitando erros comuns

A nutrição mineral requer alguns cuidados especiais, que podem gerar dúvidas para quem está começando a desbravar este universo. A dose de nutrientes é diária ou semanal? Devo intercalar a nutrição com regas de água? Como regular o pH da irrigação? Essas são perguntas frequentes que a Smart Grow Nutrients costuma responder a cultivadores que experimentam seus produtos.

Por isso, elaborou um SOS que explica as cinco principais dúvidas sobre o assunto, que você confere a seguir:

A dose de nutrientes deve ser aplicada diariamente ou semanalmente?

As dosagens recomendadas nos Programas de Cultivo Smart Grow são semanais, ou seja, é a dosagem recomendada para a nutrição durante aquela semana, seja em cada rega ou no tanque que será preparado para a semana de irrigação.Ou seja, caso você utilize um reservatório para irrigação durante todas as regas da semana, o tanque deverá ser regulado dentro da dosagem recomendada (ex.: 1 ml por litro — 100 litros de reservatório = 100 ml de nutriente). Dessa forma, todas as regas da semana serão feitas com a solução com esta dosagem. No caso de regas manuais, você deverá seguir a mesma regra. Ou seja, fazer a sua solução de regas com as dosagens de nutrientes indicadas para as regas daquela semana.

Mas, um detalhe importante: as demandas nutricionais podem variar de planta para planta de acordo com a etapa do ciclo, por isso, a dica é monitorar o desenvolvimento e adaptar as doses de acordo com o diagnóstico. Também é importante observar as plantas para apenas regá-las quando o substrato estiver seco, evitando o “afogamento” de raiz.

Sobre a dosagem dos nutrientes, uma boa dica é iniciar com uma dose baixa e aumentar um pouco a cada semana. Dessa forma, é possível identificar os níveis de EC (eletrocondutividade) e frequência de nutrição que sua cultura demanda efetivamente.

 

Devo usar nutrientes em todas as regas ou intercalar com água? 

Alguns cultivadores intercalam a rega com nutrientes e apenas com água, ou com solução com água, já outros aplicam regas fertilizadas frequentes, com dosagens menores. Há também quem faça uma rega fertilizada e outra apenas com bactérias benéficas, magnésio e carboidratos, usando o Complex Zym™ e o Candy Carb™.

Ao intercalar a nutrição com água, evita-se o acúmulo de nutrientes no substrato, permitindo que as plantas absorvam os nutrientes que não foram consumidos nas regas anteriores, que serão redisponibilizados graças à ação do Complex Zym™.

Qual tabela de nutrição devo usar nas plantas automáticas?

As plantas automáticas não são diferentes das plantas de fotoperíodo em termos de demanda nutricional.

A diferença é que, nas automáticas, as plantas iniciam a flora e, a partir da observação, o cultivador entende que é o momento de ajustar a nutrição para essa fase do ciclo. Nas fotoperíodo, quem cultiva é quem define o momento de iniciar a floração, de acordo com o tamanho e a disposição da planta e, dessa forma, pode mudar a nutrição junto com a troca do fotoperíodo.

Como regular o pH da rega?

A regulagem do pH da água ou da solução nutritiva está relacionada ao controle dos níveis de acidez e alcalinidade nas plantas. Uma regulagem de pH correta é extremamente importante para o bom desenvolvimento de suas culturas.

Desenvolvemos nossos produtos para trabalhar acidificando soluções de maneira controlada. Nossos nutrientes base, o Master GrowA&B™ (fase vegetativa) e o Master BloomA&B™ (fase de floração), usam agentes quelatizantes naturais, que acidificam o pH para regular de maneira controlada, abaixando aproximadamente  1,5 ponto de pH para cada ml por litro de água.

No entanto, existem elementos que podem causar distorções no pH e, por isso, é importante fazer uma regulagem de PH adequada. Independente de qualquer indicação de produto, recomendamos medir o pH da solução e, caso haja distorção, efetuar a correção, seja com o Smart Up™ ou o Smart Down™.

 

Estou começando meu cultivo. Que nutrientes Smart Grow devo usar?

Pra começo de conversa, a Smart Grow tem soluções para todo tipo de demanda. Seja ela uma nutrição simples com perfil e complementação orgânica ou até mesmo sugestões de “kits básicos” para iniciar um cultivo de performance.

O Smart One, mais recente integrante da linha, é uma ótima solução para iniciantes e até mesmo cultivadores experientes que desejam um programa simples e efetivo. É um nutriente organomineral completo que garante a nutrição de plantas durante os ciclos vegetativo e de floração, seja em substratos inertes, complementados ou orgânicos, e ainda pode ser complementado com qualquer nutriente booster, se desejado.

Também existem opções como o Smart Pack, uma sugestão de kit de nutrição base, com tudo que sua planta precisa para os estágios de enraizamento, fase vegetativa e floração/frutos. O Smart Pack Smart Grow contém 8 produtos:

– Smart Roots™: para enraizamento, clonagem — possui bactérias benéficas que contribuem para a saúde do solo;

– Master GrowA&B™: nutrientes base para a fase de vegetação e controle de nitrogênio;

– Complex B+™: polivitamínico que promove a saúde do solo e o controle de estresse;

– Master BloomA&B™: nutrientes base para a fase de floração e frutos e controle de nitrogênio;

– Fat Nug™: booster que fornece energia extra para o desenvolvimento de flores e frutos;

– Candy Carb™: potencializador de terpenoides que resulta em colheitas com mais sabor.

Tem mais alguma dúvida? Acesse a página de suporte da Smart Grow e tire suas dúvidas com o time de especialistas.

Como identificar sinais de deficiência nutricional?

Como obter o melhor rendimento na colheita?

Smart Grow responde cinco perguntas sobre nutrição mineral

Receba todas as últimas notícias e informações em seu e-mail uma vez por mês!